23. Nagavagga

O Elefante

 


 

 

Tal como um elefante num campo de batalha
resiste s flechas lanadas dos arcos,
assim tambm suportarei as ofensas.
H muitos, deveras, que no so virtuosos.
                                                        Dhp 320

Um elefante treinado passa pela multido.
O rei monta o animal treinado.
Superior entre os homens so os domesticados
que suportam as ofensas.

                                                        Dhp 321

Excelentes so as mulas bem treinadas,
os puros-sangues de Sindh, e um poderoso elefante,
melhor ainda aquele domesticado.
                                                        Dhp 322

No entanto no com essas montarias
que algum segue o caminho no trilhado (nibbana).
Segue o caminho aquele com a mente
bem treinada e domesticada.
                                                        Dhp 323

[Nota 1]

Difcil de ser controlado o elefante Dhanapala no cio,
com o odor pungente escorrendo das tmporas.
Mantido no cativeiro ele no come nem um bocado
saudoso recordando-se da floresta.
                                                        Dhp 324

Estpido e preguioso, gluto e dorminhoco,
chafurdando como um gordo porco domstico,
repetidas vezes segue ao renascimento.
                                                        Dhp 325

Antes esta mente perambulava como desejava,
de acordo com os seus caprichos e prazeres.
Agora com sabedoria conterei a mente
tal como um domesticador controla um elefante no cio.
                                                        Dhp 326

Delicie-se sendo diligente!
Proteja bem a mente!
Livre-se do atoleiro de contaminaes,
tal como o elefante se livra do lamaal.
                                                        Dhp 327

Se para a prtica voc encontrar um amigo
prudente, virtuoso e sbio,
permanea com ele com ateno plena e alegria,
superando todas as dificuldades.
                                                        Dhp 328

Se para a prtica no for encontrado um amigo
prudente, virtuoso e sbio,
tal como um rei que deixa para trs a terra conquistada,
siga s, como um elefante solitrio na floresta.
                                                        Dhp 329

Melhor permanecer s
pois no h companheirismo com os tolos.
Sem fazer o mal, despreocupado,
permanea s tal como o elefante na floresta.
                                                        Dhp 330

[Nota 2]

Felicidade ter amigos quando surge a necessidade,
felicidade o contentamento com pouco,
felicidade o mrito no fim da vida,
felicidade o abandono de todo sofrimento.
                                                        Dhp 331

Felicidade neste mundo servir me,
tambm felicidade servir ao pai.
Neste mundo felicidade servir aos monges,
tambm felicidade servir aos Nobres.
                                                        Dhp 332

Felicidade a virtude at o fim da vida,
e felicidade a f bem estabelecida,
Felicidade a realizao da sabedoria,
e felicidade evitar o mal.
                                                        Dhp 333

 


 

ndice                                                                                             24. Tanhavagga

 


 

Notas:

[Nota 1 - Verso 323] Sudantena: bem treinada atravs do desenvolvimento do Nobre Caminho ctuplo [Retorna]

[Nota 2 - Verso 330] Veja Sahayata (companheirismo). [Retorna]


ndice                                                                                             24. Tanhavagga

 

 

Revisado: 20 Junho 2015

Copyright © 2000 - 2021, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flavio Maia: designer.