19. Dhammatthavagga

Justo

 


 

 

No justo
quem julga apressadamente.
Um sbio deve investigar
o certo e o errado.
                                                        Dhp 256

Quem no arbitrrio ao julgar os outros,
mas julga com imparcialidade
de acordo com o Dhamma,
esse sbio um guardio do Dhamma, um justo.
                                                        Dhp 257

No falando muito
que algum sbio.
Livre da inimizade, seguro, destemido,
esse o sbio.
                                                        Dhp 258

No por falar muito
que algum hbil no Dhamma;
mas mesmo tendo ouvido pouco,
diligente, realizando o Dhamma,
ele de fato hbil no Dhamma.
                                                        Dhp 259

Apenas os cabelos grisalhos
no fazem um ancio,
isso simplesmente velhice,
algum que envelheceu em vo.
                                                        Dhp 260

[Nota 1]

Com a verdade, virtude, sem causar dano,
contido e controlado,
sbio e livre das impurezas,
esse de fato um ancio.
                                                        Dhp 261

[Nota 2]

No pela eloqncia
ou pela bela aparncia
uma pessoa bela,
se ela for invejosa, egosta, enganadora.
                                                        Dhp 262

Mas belo aquele
em quem essas qualidades foram completamente descartadas,
desenraizadas, totalmente destrudas,
um sbio purificado da raiva, de fato tem boa ndole.
                                                        Dhp 263

No raspando a cabea
que algum indisciplinado e enganador
se torna um contemplativo.
Como pode algum tomado
pelo desejo e cobia ser um contemplativo?
                                                        Dhp 264

Quem subjuga o mal
pequeno ou grande
chamado contemplativo,
porque superou todo o mal.
                                                        Dhp 265

No apenas mendigando comida
que ele se torna um bhikkhu.
No apenas pela aparncia externa
que ele se torna um verdadeiro bhikkhu.
                                                        Dhp 266

Vivendo a vida santa,
transcendendo o meritrio e o demeritrio,
tendo compreendido o mundo,
ele de fato um bhikkhu.
                                                        Dhp 267

No atravs do silncio
que algum tolo e confuso
se torna um sbio.
Mas aquele que sbio, como se tivesse uma balana,
pesa e apenas adota aquilo que bom.
                                                        Dhp 268

Por essa razo ele um sbio.
Aquele que compreende ambos mundos
assim chamado sbio.
                                                        Dhp 269

Ele no um nobre
ao causar dano aos seres vivos.
Inofensivo,
ele um nobre.
                                                        Dhp 270

No apenas pela virtude e austeridades,
ou por muito aprendizado,
ou pela concentrao,
ou por viver em isolamento,
                                                        Dhp 271

ou por pensar: 'eu desfruto da felicidade da renncia
que no experimentada pelos mundanos',
que vocs bhikkhus deveriam estar satisfeitos,
no tendo alcanado a destruio das impurezas.
                                                        Dhp 272

 


 

ndice                                                                                              20. Maggavagga

 


 

Notas:

[Nota 1 - Verso 260] Ancio, thera em pali, em termos literais algum que firme ou estvel. Esse um termo aplicvel a bhikkhus que tenham pelo menos dez vassa, ou dez anos de ordenao. [Retorna]

[Nota 2 - Verso 261] Verdade: as quatro nobres verdades; livre das impurezas: atravs dos quatro caminhos supramundanos. [Retorna]


ndice                                                                                              20. Maggavagga

 

 

Revisado: 20 Dezembro 2014

Copyright © 2000 - 2021, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flavio Maia: designer.