Estudo indica que com apenas uma hora de meditao
a dor reduzida

Somente para distribuio gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuio gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribudo para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuio ou uso.
De outra forma todos os direitos esto reservados.

 


 

Agncia France-Presse 6 de Abril de 2011

Washington, EUA - Um estudo divulgado recentemente revela que um principiante com apenas 80 minutos de treinamento na prtica de meditao pode produzir efeitos poderosos de reduo da dor no crebro.

"Este o primeiro estudo demonstrando que um pouco mais de uma hora de prtica de meditao pode reduzir de forma dramtica a experincia da dor e a ativao das reas do crebro relacionadas com a dor", afirmou Fadel Zeidan, autor do estudo e membro da equipe de pesquisas de ps-doutorado do Wake Forest Baptist Medical Center na Carolina do Norte. Ele ainda explicou que "Este estudo demonstra que a meditao produz efeitos mensurveis no crebro e pode proporcionar uma maneira eficaz das pessoas reduzirem a sensao de dor sem recorrer a medicamentos."

O resultado do estudo foi publicado na edio de 6 de Abril do Journal of Neuroscience.

"Encontramos um efeito significativo - cerca de 40% de reduo na intensidade da dor e 57% de reduo na sensao desagradvel causada pela dor. A meditao produz uma reduo mais significativa na dor do que mesmo a morfina ou outros medicamentos contra a dor, que em geral reduzem a intensidade da dor por volta de 25%", ele acrescentou.

Os pesquisadores trabalharam com um grupo de 15 voluntrios com boa sade que nunca tinham meditado. Os voluntrios foram treinados durante 20 minutos por dia, ao longo de 4 dias, para aprender a meditar trabalhando com a respirao e deixando de lado as emoes e os pensamentos.

Antes e depois da meditao a atividade cerebral dos participantes foi monitorada com um tipo especial de imagem por ressonncia magntica (MRI).

Denominada "arterial spin labeling magnetic resonance imaging" (ASL MRI), esse exame capaz de produzir uma melhor leitura de processos cerebrais com durao mais longa, tal como a meditao, do que um exame MRI tradicional do crebro.

Enquanto estavam sendo submetidos ao exame ASL MRI um dispositivo produzindo calor foi colocado na coxa direita dos participantes. Esse dispositivo aqueceu durante 5 minutos uma pequena rea da pele a uma temperatura de 120oF (49oC), o que para a maioria das pessoas provocaria uma reao de dor.

O exame feito depois da meditao mostrou que a intensidade da dor sentida por todos participantes foi reduzida, com diminuies entre 11% e 93%, afirmou Zeidan.

Por outro lado, a meditao tambm reduziu a atividade somatosensorial no crtex primrio, uma rea que est envolvida na criao da sensao de localizao e intensidade de um determinado estmulo sensorial de dor.

O exame feito antes do treinamento na prtica da meditao mostrou que a atividade nesta rea era bastante alta; mas ao fazerem o exame durante a meditao, a atividade nesta regio, que muito importante no processamento da dor, no foi detectada, como se essa rea tivesse sido desligada.

As reas do crebro responsveis pela manuteno do foco e pelo processamento das emoes tambm estiveram mais ativas durante a meditao e a atividade foi mais intensa entre os participantes que relataram a maior reduo na sensao de dor. "Uma das razes porque a meditao pode ter sido to eficaz em bloquear a dor que a sua atuao ocorre no somente numa rea do crebro, mas ao invs disso reduz a dor em mltiplos nveis de processamento," completou Zeidan.

Em geral entendido que a meditao alivia a dor no atravs da diminuio da sensao mas ajudando as pessoas a controlar de modo consciente a percepo da dor, diz Katharine MacLean, Ph.D., uma pesquisadora dos efeitos da meditao na Johns Hopkins University, em Baltimore.

No entanto, ela diz, o exame do crebro deixa claro que ambos processos esto ocorrendo: a meditao muda a natureza da dor antes desta ser percebida e tambm possibilita que as pessoas saibam melhor como lidar com a dor. "A meditao na verdade um tipo de afinao do crebro," diz MacLean.

A tcnica de meditao empregada no estudo denominada "ateno plena (mindfulness)". Empregando a respirao como ncora o meditador observa, sem fazer julgamentos, tudo que estiver ocorrendo no corpo e na mente.

 

 

Revisado: 25 Junho 2011

Copyright © 2000 - 2021, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flavio Maia: designer.