Samyutta Nikaya XXII.7

Upadaparitassana (pathama) Sutta

Agitao devido ao Apego

Somente para distribuio gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuio gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribudo para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuio ou uso.
De outra forma todos os direitos esto reservados.

 


Em Savatthi. Bhikkhus, eu ensinarei para vocs a agitao devido ao apego e a no agitao devido ao no apego. [1] Ouam e prestem muita ateno quilo que eu vou dizer. Sim, venervel senhor, os bhikkhus responderam. O Abenoado disse o seguinte:

Porque, amigos, existe agitao devido ao apego? Neste caso, uma pessoa comum sem instruo que no respeita os nobres, que no proficiente nem treinada no Dhamma deles, que no respeita os homens verdadeiros, que no proficiente nem treinada no Dhamma deles, considera a forma material como sendo o eu, ou o eu possudo de forma material, ou a forma material como estando no eu, ou o eu como estando na forma material. Essa forma material muda e se altera. Com a forma material mudando e se alterando, a sua conscincia se preocupa com essa mudana. Estados mentais agitados nascidos da preocupao com a mudana da forma material surgem ao mesmo tempo e permanecem obcecando a mente. Como a mente dele est obcecada, ele fica ansioso, angustiado e preocupado e devido ao apego ele se torna agitado.

Ele considera a sensao como sendo o eu Ele considera a percepo como sendo o eu ... Ele considera as formaes volitivas como sendo o eu Ele considera a conscincia como sendo o eu, ou o eu possudo de conscincia, ou a conscincia como estando no eu, ou o eu como estando na conscincia. Essa conscincia muda e se altera. Com a conscincia mudando e se alterando, a sua conscincia se preocupa com essa mudana. Estados mentais agitados nascidos da preocupao com a mudana da conscincia surgem ao mesmo tempo e permanecem obcecando a mente. Como a mente dele est obcecada, ele fica ansioso, angustiado e preocupado e devido ao apego ele se torna agitado. Assim como existe agitao devido ao apego.

E porque, amigos, existe a no agitao devido ao no apego? Neste caso um nobre discpulo bem instrudo, que respeita os nobres, que proficiente e treinado no Dhamma deles, que respeita os homens verdadeiros, que proficiente e treinado no Dhamma deles, no considera a forma material como sendo o eu, ou o eu possudo de forma material, ou a forma material como estando no eu, ou o eu como estando na forma material. Essa forma material muda e se altera. Com a forma material mudando e se alterando, a sua conscincia no se preocupa com essa mudana. Estados mentais agitados nascidos da preocupao com a mudana da forma material no surgem ao mesmo tempo e no permanecem obcecando a mente. Como a mente dele no est obcecada, ele no fica ansioso, angustiado e preocupado e devido ao no apego ele no se torna agitado.

Ele no considera a sensao como sendo o eu.Ele no considera a percepo como sendo o eu.Ele no considera as formaes volitivas como sendo o eu.Ele no considera a conscincia como sendo o eu, ou o eu possudo de conscincia, ou a conscincia como estando no eu, ou o eu como estando na conscincia. Essa conscincia muda e se altera. Com a conscincia mudando e se alterando, a sua conscincia no se preocupa com essa mudana. Estados mentais agitados nascidos da preocupao com a mudana da conscincia no surgem ao mesmo tempo e no permanecem obcecando a mente. Como a mente dele no est obcecada, ele no fica ansioso, angustiado e preocupado e devido ao no apego ele no se torna agitado. Assim como existe a no agitao devido ao no apego.

 


 

Notas:

[1] Veja tambm o MN 138. [Retorna]

>> Prximo Sutta

 

 

Revisado: 27 Novembro 2006

Copyright © 2000 - 2021, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flavio Maia: designer.