Anguttara Nikaya VII.51

Avyakata Sutta

No Declarado

Somente para distribuio gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuio gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribudo para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuio ou uso.
De outra forma todos os direitos esto reservados.

 


Ento um certo bhikkhu foi at o Abenoado e depois de cumpriment-lo ele sentou a um lado e disse: Venervel Senhor, qual a causa, qual a razo porque a dvida no surge num nobre discpulo bem instrudo com relao s coisas que no foram declaradas?

Devido cessao das idias, bhikkhu, a dvida no surge num nobre discpulo bem instrudo com relao s coisas que no foram declaradas. A idia aps a morte um Tathagata existe, a idia aps a morte um Tathagata no existe, a idia aps a morte um Tathagata tanto existe como no existe, a idia aps a morte um Tathagata nem existe, nem no existe: a pessoa comum sem instruo no compreende as idias, no compreende a origem das idias, no compreende a cessao das idias, no compreende o caminho da prtica que conduz cessao das idias, e assim aquela idia cresce nela. Ela no est livre do nascimento, do envelhecimento e da morte; da tristeza, lamentao, dor, angstia e desespero. Ela no est livre, eu lhes digo, do sofrimento. Mas o nobre discpulo bem instrudo compreende as idias, compreende a origem das idias, compreende a cessao das idias, compreende o caminho da prtica que conduz cessao das idias, e assim aquela idia no cresce nele. Ele est livre do nascimento, do envelhecimento e da morte; da tristeza, lamentao, dor, angstia e desespero. Ele est livre, eu lhes digo, do sofrimento.

Assim compreendendo, assim vendo, o nobre discpulo bem instrudo no declara que aps a morte um Tathagata existe, no declara que aps a morte um Tathagata no existe, no declara que aps a morte um Tathagata tanto existe como no existe, no declara que aps a morte um Tathagata nem existe, nem no existe. Compreendendo dessa forma, vendo dessa forma, ele assim tem o carter de no declarar as coisas no declaradas. Compreendendo dessa forma, vendo dessa forma, ele no fica paralisado, no treme, no se abala ou fica agitado por coisas no declaradas.

Aps a morte um Tathagata existe, esse ponto de vista com base no desejo, esse ponto de vista com base na percepo, esse produto da concepo, esse produto da fabricao, esse ponto de vista com base no apego: isso aflio. [1] Aps a morte um Tathagata no existe: ... isso aflio. Aps a morte um Tathagata tanto existe como no existe: ... isso aflio. Aps a morte um Tathagata nem existe, nem no existe: ... isso aflio.

A pessoa comum sem instruo no compreende a aflio, no compreende a origem da aflio, no compreende a cessao da aflio, no compreende o caminho da prtica que conduz cessao da aflio, e assim aquela aflio cresce nela. Ela no est livre do nascimento, do envelhecimento e da morte; da tristeza, lamentao, dor, angstia e desespero. Ela no est livre, eu lhes digo, do sofrimento. Mas o nobre discpulo bem instrudo compreende a aflio, compreende a origem da aflio, compreende a cessao da aflio, compreende o caminho da prtica que conduz cessao da aflio, e assim aquela idia no cresce nele. Ele est livre do nascimento, do envelhecimento e da morte; da tristeza, lamentao, dor, angstia e desespero. Ele est livre, eu lhes digo, do sofrimento.

Assim compreendendo, assim vendo, o nobre discpulo bem instrudo no declara que aps a morte um Tathagata existe, no declara que aps a morte um Tathagata no existe, no declara que aps a morte um Tathagata como existe como no existe, no declara que aps a morte um Tathagata nem existe, nem no existe. Compreendendo dessa forma, vendo dessa forma, ele assim tem o carter de no declarar as coisas no declaradas. Compreendendo dessa forma, vendo dessa forma, ele no fica paralisado, no treme, no se abala ou fica agitado por coisas no declaradas.

 


Notas:

[1] Aflio a traduo de vippatisara, que em geral traduzido como remorso ou arrependimento. Neste caso no entanto, o sentimento de vippatisara est relacionado preocupao com o futuro ao invs do passado e assim, nem remorso nem arrependimento so apropriados nesse contexto. A aflio mencionada neste trecho est baseada no medo de que a iluminao implique o fim da existncia ou no medo do contrrio. [ Retorna]

Veja tambm: MN 63; MN 72

>> Prximo Sutta

 

 

Revisado: 12 Dezembro 2009

Copyright © 2000 - 2021, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flavio Maia: designer.