Sutta Nipata V.2

Tissa-metteyya-manava-puccha

As Perguntas de Tissa-metteyya

Somente para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribuído para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuição ou uso.
De outra forma todos os direitos estão reservados.

 


Venerável Tissa-metteyya:

“Quem aqui no mundo está satisfeito?
Há alguém que não esteja cheio de aHHagitações?
Há algum pensador que compreende ambos lados sem ficar preso no meio?
Quem você diria merece o título de um grande homem?”

O Buda:

“Há uma pessoa que não está cheia de agitações. É o bhikkhu cujas ações, no mundo da sensualidade, são puras e benéficas. Ele não possui a sede do desejo, sempre com atenção plena e através da compreensão das coisas, está libertado.

"Tendo compreendido ambos lados,
o sábio não fica preso no meio.
Ele é um grande homem:
aquele que superou o pregador.”

 


 

Notas:

O AN VI.61 relata uma discussão entre vários bhikkhus seniores sobre o significado neste sutta de “ambos lados” e “no meio.” Seis bhikkhus manifestam as seguintes opiniões distintas:

- Contato é o primeiro lado, a origem do contato o segundo lado e a cessação do contato está no meio.
- O passado é o primeiro lado, o futuro o segundo lado e o presente está no meio
- A sensação prazerosa é o primeiro lado, a sensação dolorosa o segundo lado e a sensação nem prazerosa, nem dolorosa está no meio.
- Mentalidade (nome) é o primeiro lado, materialidade (forma) o segundo lado e a consciência está no meio.
- As seis bases externas é o primeiro lado, as seis bases internas o segundo lado e a consciência está no meio.
- A identidade é o primeiro lado, a origem da identidade o segundo lado e a cessação da identidade está no meio.

O assunto foi levado até o Buda, que afirma serem as seis interpretações corretas, mas a interpretação que ele tinha em mente ao responder à pergunta era a primeira.

O sutta descreve o "pregador" como o desejo "pois o desejo prega à produção deste ou daquele estado de ser/existir."

>> Próximo Sutta

 

 

Revisado: 13 Maio 2006

Copyright © 2000 - 2017, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flávio Maia: designer.