Sutta Nipata V.1

Ajita-manava-puccha

As Perguntas de Ajita

Somente para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribuído para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuição ou uso.
De outra forma todos os direitos estão reservados.

 


Venerável Ajita: “Pelo que o mundo está encoberto? O que faz com que o mundo seja tão difícil de ser visto? Com o que, você diz, ele é poluído? Qual é a maior ameaça no mundo?”

O Buda: “O mundo está encoberto pela ignorância, Ajita. A cobiça e a negligência fazem com que o mundo seja tão difícil de ser visto. Ele é poluído pelo apego e a grande fonte de medo é a dor do sofrimento.”

Ajita: “As torrentes fluem em todos as direções.[1] Como elas são represadas, diga-me como contê-las, e como por fim elas são bloqueadas?”

O Buda: “Quaisquer torrentes que existam no mundo, é a atenção plena que as represa e contem, e é através da sabedoria que elas por fim são bloqueadas.”

Ajita: “É apenas sabedoria e atenção plena. Agora a mentalidade-materialidade (nome e forma), venerável senhor, explique isto: onde ela cessa?”

O Buda: “Esta é a resposta à sua questão, Ajita: com a cessação da consciência a mentalidade-materialidade (nome e forma) cessa.” [2]

Ajita: “Aqueles que compreenderam completamente o Dhamma, aqueles em treinamento e os outros indivíduos aqui, [3] explique-me como eles se comportam.”

O Buda: “Sem cobiçar os prazeres sensuais e com uma mente que é pura e tranqüila[4] um bhikkhu deve permanecer com a atenção plena, hábil em todas as qualidades mentais.”

 


 

Notas:

[1] “As torrentes” são os desejos que fluem na direção de objetos desejosos e prazerosos no mundo. [Retorna]

[2] Esta pergunta e a resposta se referem à doutrina da origem dependente (paticca-samuppada). Veja também o Nidana-samyutta. [Retorna]

[3] “Aqueles que compreenderam completamente” são os arahants. “Aqueles em treinamento” são os sekhas que estão empenhados pelo objetivo, mas têm a segurança de que o objetivo será alcançado. Os “outros indivíduos” são os seres comuns (puthujjana) que não têm nenhuma realização e não conquistaram a segurança de que o objetivo será alcançado. [Retorna]

[4] A palavra anavilo significa puro, límpido, tranqüilo, sem agitação, sem confusão, etc. No Dhammapada v. 82, os sábios são comparados com um lago profundo com essa qualidade. [Retorna]

>> Próximo Sutta

 

 

Revisado: 13 Maio 2006

Copyright © 2000 - 2017, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flávio Maia: designer.