Samyutta Nikaya XXXV.9

Ajjhattanattatitanagata Sutta

Interno como Não-eu nos Três Tempos

Somente para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribuído para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuição ou uso.
De outra forma todos os direitos estão reservados.

 


Em Savatthi.

“Bhikkhus, o olho é não-eu, ambos no passado e no futuro, sem falar no presente. Vendo assim, bhikkhus, o nobre discípulo bem instruído é indiferente com relação ao olho do passado; ele não busca o prazer no olho no futuro; e ele pratica pelo desencantamento com relação ao olho no presente, pelo desaparecimento e cessação.

"O ouvido é não-eu ... o nariz é não-eu ... a língua é não-eu ... o corpo é não-eu ... a mente é não-eu, ambos no passado e no futuro, sem falar no presente. Vendo assim, bhikkhus, o nobre discípulo bem instruído é indiferente com relação à mente do passado; ele não busca o deleite na mente no futuro; e ele pratica pelo desencantamento com relação à mente no presente, pelo desaparecimento e cessação.

 


>> Próximo Sutta

 

 

Revisado: 20 Dezembro 2014

Copyright © 2000 - 2017, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flávio Maia: designer.