Samyutta Nikaya XXII.56

Parivatta Sutta

As Fases dos Agregados

Somente para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribuído para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuição ou uso.
De outra forma todos os direitos estão reservados.

 


Em Savatthi. “Bhikkhus, existem esses cinco agregados influenciados pelo apego. Quais cinco? A forma como um agregado influenciado pelo apego, a sensação como um agregado influenciado pelo apego, a percepção como um agregado influenciado pelo apego, as formações volitivas como um agregado influenciado pelo apego, a consciência como um agregado influenciado pelo apego.

‘Agora, enquanto eu não obtive o conhecimento direto das fases desses cinco agregados influenciados pelo apego, eu não reivindiquei ter despertado para a insuperável perfeita iluminação neste mundo com os seus devas, maras e brahmas, esta população com seus contemplativos e brâmanes, seus príncipes e povo. Mas, quando obtive o conhecimento direto de como na verdade são, então reivindiquei ter despertado para a insuperável perfeita iluminação neste mundo com ... seus príncipes e povo.

“E como, bhikkhus, são as quatro fases? Eu obtive o conhecimento direto da forma ... da origem da forma ... da cessação da forma ... do caminho da prática que conduz à cessação da forma.

“Eu obtive o conhecimento direto da sensação…

“Eu obtive o conhecimento direto da percepção...

“Eu obtive o conhecimento direto das formações volitivas…

“Eu obtive o conhecimento direto da consciência ... da origem da consciência ... da cessação da consciência ... do caminho da prática que conduz à cessação da consciência.

“E o que, bhikkhus, é forma? Os quatro grandes elementos, (o elemento terra, o elemento água, o elemento fogo e o elemento ar), e a forma deles derivada: a isso se denomina forma. Com o surgimento do alimento comida, surge a forma. Cessando o alimento comida, cessa a forma. E exatamente este nobre caminho óctuplo é o caminho da prática que conduz à cessação da forma, isto é, entendimento correto, pensamento correto, linguagem correta, ação correta, modo de vida correto, esforço correto, atenção plena correta, concentração correta.

“Todos os brâmanes ou contemplativos que, conhecendo assim, de modo direto, a forma, conhecendo assim, de modo direto, a origem da forma, conhecendo assim, de modo direto, a cessação da forma, conhecendo assim, de modo direto o caminho da prática que conduz à cessação da forma, estiverem praticando para o desencantamento, desapego, cessação em relação à forma, eles estarão praticando do modo correto. Aqueles que praticam do modo correto estão apoiados com firmeza neste Dhamma e Disciplina. E todos os brâmanes ou contemplativos que assim conheceram de modo direto a forma, conheceram de modo direto a origem da forma, conheceram de modo direto a cessação da forma, conheceram de modo direto o caminho da prática que conduz à cessação da forma, estão, por meio do desencantamento, desapego, cessação em relação à forma, libertados através do desapego, eles estão bem libertados. Aqueles que estão bem libertados estão totalmente consumados. E com relação àqueles que estão totalmente consumados, não existe ciclo para descrevê-los.

“E o que, bhikkhus, é a sensação? Esses seis grupos de sensações – sensação que nasce do contato no olho, sensação que nasce do contato no ouvido, sensação que nasce do contato no nariz, sensação que nasce do contato na língua, sensação que nasce do contato no corpo, sensação que nasce do contato na mente: a isso se denomina sensação. Com o surgimento do contato, surge a sensação. Cessando o contato, cessa a sensação. E exatamente este nobre caminho óctuplo é o caminho da prática que conduz à cessação da sensação ...

“E o que, bhikkhus, é a percepção? Esses seis grupos de percepções – percepção da forma, percepção do som, percepção do aroma, percepção do sabor, percepção dos tangíveis, percepção dos objetos mentais: a isso se denomina percepção. Com o surgimento do contato, surge a percepção. Cessando o contato, cessa a percepção. E exatamente este nobre caminho óctuplo é o caminho da prática que conduz à cessação da percepção ...

“E o que, bhikkhus, são as formações volitivas? Esses seis grupos de volições (ou intenções) – volições relacionadas às formas, volições relacionadas aos sons, volições relacionadas aos aromas, volições relacionadas aos sabores, volições relacionadas aos tangíveis, volições relacionadas aos objetos mentais: a isso se denomina formações volitivas. Com o surgimento do contato, surgem as formações volitivas. Cessando o contato, cessam as formações volitivas. E exatamente este nobre caminho óctuplo é o caminho da prática que conduz à cessação das formações volitivas ...

“E o que, bhikkhus, é a consciência? Esses seis grupos de consciência - consciência no olho, consciência no ouvido, consciência no nariz, consciência na língua, consciência no corpo, consciência na mente: a isso se denomina consciência. Com o surgimento da mentalidade-materialidade (nome e forma), surge a consciência. Cessando a mentalidade-materialidade (nome e forma), cessa a consciência. E exatamente este nobre caminho óctuplo é o caminho da prática que conduz à cessação da consciência, isto é, entendimento correto, pensamento correto, linguagem correta, ação correta, modo de vida correto, esforço correto, atenção plena correta, concentração correta. 

“Todos os brâmanes ou contemplativos que, conhecendo assim, de modo direto, a consciência, conhecendo assim, de modo direto, a origem da consciência, conhecendo assim, de modo direto, a cessação da consciência, conhecendo assim, de modo direto o caminho da prática que conduz à cessação da consciência, estiverem praticando para o desencantamento, desapego, cessação em relação à consciência, eles estarão praticando do modo correto. Aqueles que praticam do modo correto estão apoiados com firmeza neste Dhamma e Disciplina. E todos os brâmanes ou contemplativos que assim conheceram de modo direto a consciência, conheceram de modo direto a origem da consciência, conheceram de modo direto a cessação da consciência, conheceram de modo direto o caminho da prática que conduz à cessação da consciência, estão, por meio do desencantamento, desapego, cessação em relação à consciência, libertados através do desapego, eles estão bem libertados. Aqueles que estão bem libertados estão totalmente consumados. E com relação àqueles que estão totalmente consumados, não existe ciclo para descrevê-los.

 


 

>> Próximo Sutta

 

 

Revisado: 2 Outubro 2004

Copyright © 2000 - 2017, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flávio Maia: designer.