Samyutta Nikaya XXII.22

Bhara Sutta

O Fardo

Somente para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribuído para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuição ou uso.
De outra forma todos os direitos estão reservados.

 


Em Savatthi. “Bhikkhus, eu ensinarei para vocês sobre o fardo, sobre aquele que carrega o fardo, sobre o levantamento do fardo e a sobre a deposição do fardo. Ouçam e prestem muita atenção àquilo que eu vou dizer.” – “Sim, venerável senhor,” os bhikkhus responderam. O Abençoado disse o seguinte:

“E qual é o fardo? ‘Os cinco agregados influenciados pelo apego,’ deveria ser dito. Quais cinco? A forma como um agregado influenciado pelo apego, a sensação como um agregado influenciado pelo apego, a percepção como um agregado influenciado pelo apego, as formações volitivas como um agregado influenciado pelo apego, a consciência como um agregado influenciado pelo apego. A isto, bhikkhus se denomina o fardo.

“E quem é aquele que carrega o fardo? ‘A pessoa,’ deveria ser dito. Este venerável com tal e qual nome. Ele é chamado o carregador do fardo.

“E o que é o levantamento do fardo? O desejo que causa a renovação dos seres, acompanhado pelo prazer e pela cobiça e que sente prazer nisto e naquilo; isto é o desejo pelos prazeres sensuais, desejo por ser/existir e desejo por não ser/existir. A isto se denomina o levantamento do fardo.

“E o que é a deposição do fardo? O desaparecimento e cessação sem deixar vestígios, abrir mão, descartar, libertar-se, despegar daquele mesmo desejo. A isto se denomina a deposição do fardo.”

Isso foi o que o Abençoado disse. Tendo dito isso, o Mestre disse mais:

Um fardo de fato são os cinco agregados,
e o carregador do fardo é a pessoa.
Levantar o fardo é o sofrimento no mundo.
Depor o fardo é a felicidade.

Tendo deposto o pesado fardo
e não tomando outro,
arrancando o desejo,
junto com a sua raiz,
ele está livre da fome, totalmente saciado.

 


 

>> Próximo Sutta

 

 

Revisado: 2 Outubro 2004

Copyright © 2000 - 2017, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flávio Maia: designer.