Anguttara Nikaya VIII.83

Mula Sutta

Raiz

Somente para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribuído para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuição ou uso.
De outra forma todos os direitos estão reservados.

 


“Bhikkhus, se errantes membros de outras seitas perguntarem, ‘No que estão enraizados todos os fenômenos? Como eles passam a existir? Qual é a sua origem? Onde eles convergem? Qual é o estado que preside? Qual é o seu princípio governante? Qual é o seu estado transcendente? Qual é o seu cerne?' Assim perguntados, como vocês responderiam?”

“Venerável senhor, os nossos ensinamentos têm o Abençoado como origem, como guia e como refúgio. Seria bom se o Abençoado pudesse explicar o significado dessas palavras. Tendo ouvido do Abençoado, os bhikkhus o recordarão.”

“Nesse caso, bhikkhus, ouçam e prestem muita atenção àquilo que eu vou dizer.” – “Sim, venerável senhor,” os bhikkhus responderam. O Abençoado disse o seguinte:

“Se errantes membros de outras seitas lhes perguntassem, ‘No que estão enraizados todos os fenômenos? Como eles passam a existir? Qual é a sua origem? Onde eles convergem? Qual é o estado que preside? Qual é o seu princípio governante? Qual é o seu estado transcendente? Qual é o seu cerne?' Vocês deveriam responder:

“’Todos os fenômenos estão enraizados no desejo.

“’Todos os fenômenos passam a existir através da atenção.

“’Todos os fenômenos têm o contato como origem.

“’Todos os fenômenos convergem na sensação.

“’Todos os fenômenos têm a concentração como estado que preside.

“’Todos os fenômenos têm a atenção plena como princípio governante.

“’Todos os fenômenos têm a sabedoria como estado transcendente.

“’Todos os fenômenos têm a libertação como cerne.

“Se errantes membros de outras seitas lhes perguntarem, assim é como vocês deveriam responder.”

 


Ajaan Brahmali faz o seguinte comentário sobre este sutta:

"Sabbe dhamma (todos os fenômenos) é uma referência à nossa experiência pessoal, da seguinte forma: todos os elementos da nossa experiência estão enraizados no desejo com o sentido que nós existimos devido ao desejo. Os fenômenos passam a existir devido à atenção significando que apenas experimentamos aquilo que damos atenção. Eles se originam do contato porque sem o contato não há nenhuma experiência. Eles convergem na sensação porque a sensação é o aspecto mais importante da nossa experiência, o fator motivacional em tudo que fazemos. Eles são presididos pela concentração porque essa é uma das cinco faculdades (indriya), sendo que todos os fenômenos seguem a sua liderança. A atenção plena é um princípio dominante porque é outra das cinco faculdades que nos dirige para aquilo que experimentamos."

Veja também o AN X.58.

>> Próximo Sutta

 

 

Revisado: 5 Outubro 2013

Copyright © 2000 - 2017, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flávio Maia: designer.