Anguttara Nikaya V.2

Vitthara Sutta

Em Detalhe

Somente para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribuído para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuição ou uso.
De outra forma todos os direitos estão reservados.

 


“Bhikkhus, há esses cinco poderes de um treinando.[1] Quais cinco? O poder da convicção, o poder da vergonha de cometer transgressões, o poder do temor de cometer transgressões, o poder da energia e o poder da sabedoria.

“E qual é o poder da convicção? É o caso em que um bhikkhu, um nobre discípulo, deposita fé na iluminação do Tathagata assim: ‘O Abençoado é um arahant, perfeitamente iluminado, consumado no verdadeiro conhecimento e conduta, bem-aventurado, conhecedor dos mundos, um líder insuperável de pessoas preparadas para serem treinadas, mestre de devas e humanos, desperto, sublime.’ Isso, bhikkhus, é chamado o poder da convicção.

“E qual é o poder da vergonha de cometer transgressões? [2] É o caso em que um bhikkhu, um nobre discípulo, tem senso da vergonha; ele sente vergonha da conduta corporal imprópria, da conduta verbal imprópria e da conduta mental imprópria. Isso, bhikkhus, é chamado o poder da vergonha.

“E qual é o poder do temor de cometer transgressões? É o caso em que um bhikkhu, um nobre discípulo, tem senso do temor; ele teme a conduta corporal imprópria, a conduta verbal imprópria e a conduta mental imprópria. Isso, bhikkhus, é chamado o poder do temor.

“E qual é o poder da energia? É o caso em que um bhikkhu, um nobre discípulo, permanece com a sua energia estimulada para o abandono de qualidades mentais prejudiciais e para a obtenção de qualidades mentais benéficas. Ele é decidido, firme no seu esforço, sem se esquivar das suas responsabilidades com relação ao cultivo de qualidades mentais benéficas. Isso, bhikkhus, é chamado o poder da energia.

“E qual é o poder da sabedoria? É o caso em que um bhikkhu, um nobre discípulo, tem sabedoria, com a completa compreensão da origem e cessação - nobre, penetrante, que conduz ao fim do sofrimento. Isso, bhikkhus, é chamado o poder da sabedoria.

“Esses, bhikkhus, são os cinco poderes de um treinando. Assim vocês deveriam treinar: ‘Nós obteremos o poder da convicção de um treinando, o poder da vergonha de um treinando, o poder do temor de um treinando, o poder da energia de um treinando, o poder da sabedoria de um treinando.’ Assim é como vocês deveriam treinar.”

 


Notas:

[1] Sekhabala. O sekha é um discípulo que realizou pelo menos um dos quatro caminhos supramundanos, (magga), ou um dos três frutos supramundanos, (phala), através do desenvolvimento da virtude, concentração e sabedoria. Os quatro caminhos e frutos supramundanos são: entrar na correnteza, retornar uma vez, não retornar, arahant. Bala significa poder. O arahant é chamado asekha, aquele que está além do treinamento. [Retorna]

[2] Vergonha de cometer transgressões e temor de cometer transgressões – hiri-ottappa. [Retorna]

>> Próximo Sutta

 

 

Revisado: 6 Abril 2013

Copyright © 2000 - 2017, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flávio Maia: designer.