Anguttara Nikaya IV.174

Kotthita Sutta

Kotthita

Somente para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser impresso para distribuição gratuita.
Este trabalho pode ser re-formatado e distribuído para uso em computadores e redes de computadores
contanto que nenhum custo seja cobrado pela distribuição ou uso.
De outra forma todos os direitos estão reservados.

 


Então o ven. Maha Kotthita foi até o ven. Sariputta e ao chegar ambos se cumprimentaram. Após a troca de saudações corteses e amáveis, ele sentou a um lado e disse para o ven. Sariputta: “Com a cessação e desaparecimento sem deixar vestígios das seis bases do contato, (visão, audição, olfato, sabor, corpo e mente), é o caso de que existe algo mais?”

[Sariputta:] “Não diga isso, meu amigo.”

[Maha Kotthita:] “Com a cessação e desaparecimento sem deixar vestígios das seis bases do contato, é o caso de que não existe algo mais?”

[Sariputta:] “Não diga isso, meu amigo.”

[Maha Kotthita:] “... é o caso de ambos, existe e não existe algo mais?”

[Sariputta:] “Não diga isso, meu amigo.”

[Maha Kotthita:] “... é o caso de que nem existe, nem não existe algo mais?”

[Sariputta:] “Não diga isso, meu amigo.”

[Maha Kotthita:] “Sendo perguntado ... se existe algo mais, você diz 'Não diga isso, meu amigo'. Sendo perguntado … se não existe algo mais … se ambos, existe e não existe algo mais … se nem existe, nem não existe, você diz, 'Não diga isso, meu amigo'. Agora, como deve ser entendido o significado dessa afirmação?”

[Sariputta:] “Dizendo, ‘Com a cessação e desaparecimento sem deixar vestígios das seis bases do contato, (visão, audição, olfato, sabor, corpo e mente), é o caso de que existe algo mais? … é o caso de que não existe algo mais … é o caso de ambos, existe e não existe algo mais … é o caso de que nem existe, nem não existe algo mais, está-se proliferando a não-proliferação. Até onde alcancem as seis bases do contato é até onde alcança a proliferação. Até onde alcance a proliferação é até onde alcançam as seis bases do contato. Com a cessação e desaparecimento sem deixar vestígio das seis bases do contato, ocorre a cessação, o alívio da proliferação.”[ 1]

 


Notas:

[1] Veja o MN 18. O Snp IV.14 indica que na raiz de todas as proliferações encontra-se a percepção, “Eu sou o pensador.” Esse pensamento constitui a motivação para as questões formuladas pelo ven. Maha Kotthita pois a idéia “Eu sou o pensador” pode conduzir ao medo ou ao desejo de aniquilação no processo do caminho para realizar nibbana. Ambos tipos de preocupação interferem no abandono do apego que é essencial para a realização de nibbana, sendo que por isso essas questões não devem ser formuladas.

Veja também o AN VIII.30.

>> Próximo Sutta

 

 

Revisado: 26 Abril 2008

Copyright © 2000 - 2017, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flávio Maia: designer.