22. Nirayavagga

Inferno

 


 

 

O falso acusador vai para o inferno,
também aquele que nega o que tenha feito.
Ambos depois se tornam iguais,
pessoas vis no mundo além.
                                                        Dhp 306

Muitos impostores vestem o mando de cor ocre
embora com caráter ruim e descontrolados.
Devido às suas ações ruins
esses malfeitores renascem no inferno.
                                                        Dhp 307

Melhor que ele engula
uma bola de ferro incandescente
do que esse imoral descontrolado
se alimentar de comida esmolada.
                                                        Dhp 308

Quatro infortúnios acometem aquele
que comete o adultério:
demérito, sono ruim,
má reputação, renascimento no inferno.
                                                        Dhp 309

Demérito e um renascimento infeliz.
Breve o prazer de homens e mulheres amedrontados.
O rei decreta pesada punição:
portanto, que ninguém seja adúltero.
                                                        Dhp 310

Tal como o capim kusa se for pego incorretamente
só corta as mãos,
assim também a vida do contemplativo vivida incorretamente
arrasta-o ao inferno.
                                                        Dhp 311

Atos negligentes,
práticas corrompidas,
celibato duvidoso
- nada disso produz bons frutos.
                                                        Dhp 312

Se algo deve ser feito
que assim seja com determinação,
uma vida monástica negligente
apenas agita a poeira das paixões.
                                                        Dhp 313

Melhor não praticar uma ação prejudicial
pois uma ação condenável atormentará mais tarde.
Melhor praticar uma ação benéfica,
que praticada, não atormenta.
                                                        Dhp 314

Tal como uma cidade fronteiriça
protegida interna e externamente,
assim vocês devem se proteger.
Não negligenciem essa oportunidade,
pois quem perde essa oportunidade
lamenta tendo renascido num estado infeliz.
                                                        Dhp 315

[Nota 1]

 

Quem se envergonha onde não há vergonha,
mas onde há vergonha não se envergonha,
assim adotando idéias prejudiciais
os seres renascem no inferno.
                                                        Dhp 316

Quem vê perigo não há perigo,
mas onde há perigo não o vê,
assim adotando idéias prejudiciais
os seres renascem no inferno.
                                                        Dhp 317

Quem vê defeito onde não há defeito
mas onde há defeito não o vê,
assim adotando idéias prejudiciais
os seres renascem no inferno.
                                                        Dhp 318

Vendo o defeito como tal,
também sabendo onde não há defeito,
assim adotando idéias corretas
os seres renascem num destino feliz.
                                                        Dhp 319

 


 

Índice                                                                                             23. Nagavagga

 


 

Notas:

[Nota 1 - Verso 315] A oportunidade são as condições apropriadas para a prática do caminho Budista A oportunidade são as condições apropriadas para a prática do caminho Budista. [Retorna]


Índice                                                                                              23. Nagavagga

 

 

Revisado: 23 Maio 2015

Copyright © 2000 - 2017, Acesso ao Insight - Michael Beisert: editor, Flávio Maia: designer.